Tuesday, March 21, 2006


SEM ENDEREÇO...MAS COM REMETENTE...

Quando o sol se pôs
ainda pensava em ti
Na minha mente
o teu sorriso quase apagado
avivou-se
fez-se luz...
Por momentos confundi
os risos estridentes das crianças
com os teus
e sorri...
sorri também
Olhei para o lado...
ocupava-o um vazio
Então pensei cobrir com areia
o passado
mas não pude...
Teimosamente rolaram duas lágrimas
iguais às que um dia secaste
Lembras-te?
foi no dia em que pela primeira vez
me beijaste
E sorri...
para quê esquecer o passado?
Amar nunca foi pecado...

4 comments:

Abelhinha said...

Nunca foi pecado amar
Nunca queiras cobrir o passado
Nunca deixes de mergulhar em paixão

E quando não a conseguires alcançar
E ao longe o céu tu vires rasgado
Foi o amor que chegou livre e atrasado
Esse amor que agora abafa teu coração

saisminerais said...

Amar nunca foi nem nuca será pecado
As lágrimas tb nunca serarão por completo...
l
Lindo este teu blog.
Obrigado pela visita no meu
beijinho

...Pedaços de Mim.. said...

..Queria conter tuas lágrimas,beber uma a uma,secar tuas faces molhadas,crispadas pela impotência de não conseguires mudar o mundo.Queria embrulhar com o meu olhar tda a tua dór do teu peito,tda a vontade de gritar de clamar por um deus que não existe,por um mundo inexistente.por uma vida sem igual,por sonhos construidos ao longo dos anos que ruem como castelos de cartas,pois os anjos tbm choram..por isso não deixes de amar e de querer ser amada,pois tbm faz parte do sonho!.bjinhos do luis.

poetamador said...

é giro pegar num dos teus versos e fazer uma quadra:
Amar nunca foi pecado
A pedir esquecimento
Foi desejo impensado
Para gozar num momento